Telecentrofoz divulga cursos da Rede EAD Senasp/MJ. Inscrições abertas de 18 a 26/05/2017 e início das aulas no dia 26 de junho .

Modalidade: a distância

ApresentaçãoIEPPVA

O Curso de Intervenção de Produtos Perigosos tem como finalidade criar condições para que você saiba como agir quando estiver dentre os primeiros a chegar em locais de ocorrências envolvendo produtos perigosos em áreas públicas. O escopo do CIPP é facilitar e orientar as ações da assistência especializada, minimizar os danos ao meio ambiente  e os efeitos decorrentes de vazamentos, explosões e incêndios nas comunidades e o devido gerenciamento do local sinistrado.

Público de Interesse: O curso se destina aos profissionais da área de segurança pública e aos profissionais administrativos que atuam nessas instituições

Requisitos: Este curso não exige que tenham sido realizados cursos anteriores na Rede EaD-SENASP.

Recomendações

Recomenda-se que você tenha disponibilidade de 5 a 7 horas por semana para leitura dos módulos e materiais complementares, pesquisas, realização de exercícios e interação com tutor e demais estudantes.

Conteúdo Programático
Módulo 1 – Conhecimento da emergência e análise preliminar de riscos
Módulo 2 – Plano de ação em emergência: comunicação e notificação
Módulo 3 – Gerenciamento da emergência e/ou passagem do gerenciamento aos especialistas
Módulo 4 – Identificação e Classificação de produtos perigosos
Módulo 5 – Guias de atendimento da emergência e divisão do trabalho
Módulo 6 – Encerramento da intervenção em emergência

Referências Bibliográficas
ABIQUIM. Departamento Técnico, Comissão de Transportes. Manual para o atendimento de emergências com produtos perigosos. 5ª ed. São Paulo: 2006. 288 p.
ABNT. Associação Brasileira de Normas Técnicas. NBR 17505: símbolos de risco e manuseio para o transporte e armazenamento de materiais. 02 de março de 2011. NBR 7501: terminologia; NBR 7503: ficha de emergencias e envelope de embarque. NBR 14064: atendimento a emergências. NBR 14095: área de estacionamento. NBR 14725: ficha de informação de segurança de produtos químicos. NBR 15480: plano de ação de emergência. NBR 15481: requisitos mínimos de segurança.
BRASIL. Ministério da Integração Nacional. Secretaria Nacional de Defesa Civil. Sistema de Comando e Operações – Guia de Campo. Marcos de Oliveira. Florianópolis: Secretaria Nacional de Defesa Civil, Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Universitário de Estudos e Pesquisas sobre Desastres, 2010.
CASTRO. A. L. C. e outros. Manual de Redução dos Desastres Tecnológicos de Natureza Focal. Ministério da Integração Nacional, Brasília, 2001

Para se inscrever acesse:

http://portal.ead.senasp.gov.br/

Anúncios